O GACC

O GACC – Grupo de Assistência à Criança com Câncer é o mantenedor do Hospital CTFM/GACC: um complexo clínico-sócio-hospitalar, multidisciplinar e especializado, planejado para atender especificamente crianças e jovens com câncer, diagnosticados entre 0 e 19 anos, oferecendo quantidade e qualidade de leitos para o atendimento humanizado e o tratamento integral dos pacientes.

O tratamento é oferecido prioritariamente à crianças e jovens encaminhados pelo SUS – Sistema Único de Saúde- Estes atendimentos representam, atualmente, 80% do total de pacientes oncológicos em tratamento no Hospital CTFM/GACC.

Missão
Realizar o atendimento das necessidades desencadeadas pelo diagnóstico oncológico e que estão diretamente relacionadas ao foco de atuação; sendo este o tratamento de neoplasias infanto-juvenil independente de sexo, cor, religião ou posição sócio-econômica.
Visão
Garantir a qualidade global do tratamento da criança e do adolescente com câncer, em padrões de excelência.
Valores
Solidariedade
Ética
Transparência
Respeito
Comprometimento

Desde o início de suas atividades, em 1996, o GACC (então Grupo de Apoio à Criança com Câncer) existe para aumentar a expectativa de vida e garantir a oferta e a qualidade global do tratamento de crianças e jovens com câncer, independente de sexo, cor, religião ou posição socioeconômica.

O surgimento constante de novos casos e a dificuldade de encaminhamento das crianças e jovens para tratamento nos hospitais existentes, por falta de leitos disponíveis e de estrutura adequada, motiva a criação e a implantação de um serviço integrado de tratamento e assistência multidisciplinar que se concretizou na construção do Hospital CTFM/GACC, mantido pelo GACC.          

Saiba mais sobre nossa história

Objetivos

Como mantenedor do Hospital CTFM – Centro de Tratamento Infantojuvenil Fabiana Macedo de Morais, o GACC visa:

  • Absorver 100% da demanda que surge a cada ano, mantendo a marca de 0% de demanda reprimida.
  • Atender especialmente crianças e adolescentes com câncer diagnosticados, com idades entre 0 e 19 anos, dos 39* municípios da região.
  • Prestar o atendimento a estas crianças e jovens segundo padrões de excelência e humanização.
  • Priorizar o atendimento a pacientes atendidos pelo SUS – Sistema único de saúde.
  • Captar e administrar os recursos financeiros e humanos para suprir as necessidades geradas durante o tratamento de cada paciente.
  • Assegurar a continuidade dos tratamentos em níveis de excelência.

Abrangência e Atendimento

O hospital CTFM/GACC é o único do Vale do Paraíba, Litoral Norte e Serra da Mantiqueira habilitado pelo Ministério da Saúde como Unidade de Alta Complexidade em Oncologia – UNACON Exclusiva de Pediatria Oncológica, sendo a referência para o tratamento integral dos pacientes diagnosticados com câncer.

O GACC assegura a todas as crianças e jovens que aqui chegam para tratamento, o recebimento de todos os recursos: médicos – clínicos e hospitalares, acrescidos dos recursos  sociais, psicológicos e pedagógicos-educacionais necessários, sem nenhuma distinção. Oferece também, um suporte aos familiares que se estende por todas as fases do tratamento. O atendimento inclui, além do tratamento propriamente dito, a inserção do paciente em diversos proramas que garantem uma abordagem integral de tratamento e assistência. Esta abordagem possibilita alcançar índices de cura mais elevados. Atualmente o CTFM/GACC atende mais de 500 crianças e jovens nas diversas fases do tratamento do câncer.

Saiba mais sobre a estrutura de atendimento

O Hospital CTFM/GACC desenvolve um trabalho contínuo de acompanhamento de resultados, onde são mensurados os atendimentos e os recursos dispensados para a complementação do tratamento (distribuição de medicamentos) e para o serviço de assistência multidisciplinar.

Os índices alcançados pelo Hospital CTFM/GACC refletem não apenas a competência técnica na prestação de serviços, mas também, e principalmente, a eficiência na gestão dos recursos captados pelas ações e campanhas realizadas, anualmente pelo GACC.

Veja nossos resultados do último ano