Linfoma não Hodgkin

O Linfoma não Hodgkin (LNH) é composto por tumores nos nódulos linfáticos periféricos, os gânglios, comumente conhecidos como “ínguas” e são chamados assim para diferenciarem-se de um outro tipo de câncer, o Linfoma de Hodgkin.

Essa doença pode manifestar-se em qualquer lugar do nosso corpo onde os nódulos estão presentes, sendo mais comum aparecer no pescoço, no tórax e no intestino. Embora possam surgir em qualquer idade, os LNH em crianças têm características muito diferentes dos da fase adulta, sendo muito parecidos com leucemias agudas: espalham-se pelo corpo, atingindo a medula óssea, o sangue, a pele e o sistema nervoso.

Incidência

Os LNH é o terceiro tipo de câncer mais frequente na infância. Superado somente pelas leucemias agudas e tumores no cérebro, correspondem a cerca de 55% dos casos de linfoma infantil. Na Região Metropolitana do Vale do Paraíba, são diagnosticados uma média de 10 novos casos todos os anos.

Tratamento

Como o LNH é subdividido em vários tipos histológicos, tendo em vista o grupo de células acometidas pela doença, e também devido a fatores relativos ao estagiamento (o grau de disseminação; se está localizado ou já se espalhou para outras partes do corpo) dos tumores, o tratamento varia de caso para caso. Atualmente, o tratamento consiste em quimioterapia com uma combinação de medicamentos, cujos resultados têm se mostrado muito eficazes: cerca de 75% dos pacientes alcançam a cura. O diagnóstico precoce podem aumentar as chances de cura para até 90% dos casos.

Veja mais Informações sobre Doenças

Ajude nossas crianças e jovens
a realizarem os seus sonhos.

Doações:(12) 98181-0123